Hoje o nosso programa de cada dia vai ser um pouco diferente. Nesse vídeo vocês vão ver as 5 coisas, eleitas por Marcus Lazaro e Izadora Jayme, que vocês não podem deixar de conferir na Comic Con Experience. Fui convidado também pela redação, como redator experiente em Comic Con, para elencar alguns cuidados que você deve ter ao ir à Comic Con Experience. Sabe aquelas gafes ou coisas que você faz e pensa “Se eu soubesse faria diferente”? Então, são exatamente essas coisas que vou alertar para tomarem cuidado, porque o Nerdista é mãe, não é madrasta.

Assine nossa lista de e-mails para ter novidades nerds de alta qualidade, imediatamente, assim que forem postadas

Um evento deste porte merece alguns cuidados especiais para que possa ser desfrutado em toda sua glória, formosura e nerdice. Portanto, vamos à lista que eu tenho que pegar meu voo para São Paulo.

1) Chegue cedo à CCXP

Se você quer ter acesso privilegiado a algumas coisas, muito especialmente aos painéis do seu estúdio ou ator/atriz/quadrinista favoritos, fique sabendo que tem que abrir o evento todos os dias. Para entrar e pegar um lugar no Salão Thunder – o principal do evento – é bom estar lá quando os portões de Valhalla abrirem. E tem mais, se quiserem ver as pré-estreias do Domingo, que esse ano vão ter O Bom Dinossauro e Creed, durmam na entrada. É sério! Na verdade vocês provavelmente nem vão dormir, porque não é permitido montar barraca na entrada da São Paulo Expo, mas vários loucos para ver O Hobbit no ano anterior passaram a noite, em pé, na entrada. Acreditem.

2) Filas, muitas filas

Não se irritem com filas. Se vocês se irritam com filas, não vão a um evento desse porte. Tem fila para autógrafos, fila para comprar, fila para recarregar o celular, fila para comer e até fila para beber água. Tem fila pra tudo e são quilométricas. Grandes chances é que qualquer coisa que for fazer, não sendo olhar stands, vai envolver uma fila. Você vai passar um bom tempo numa fila, então paciência.

3) É tudo caro, incluindo a comida

Não digo que as coisas são caras estilo restaurante de luxo ou espaço gourmetizado, mas são mais caras que o normal. Tanto os itens que queremos comprar, quanto coisas simples como comida ou uma água mineral. Tudo é mais caro, ao contrário da tradição das Comic Cons gringas, onde vendedores fazem muitas promoções, quase uma black friday nerd no último dia. Aqui no Brasil-il-il as coisas não seguem esse modelo e vendedores de todo tipo enfiam a proverbial faca nos frequentadores. Se quiser economizar leve lanchinhos de casa e obviamente fique longe de stands que vendem coisas legais como da Panini ou da Disney. Sorry guys, mas é uma tentação.

4) Artistas não são todos acessíveis

Os quadrinistas independentes estão até sedentos pelo contato com o público. Mesmo assim, com todo o carisma do Jason Momoa ano passado andando no salão e criando um frenesi, não espere tirar selfies e ganhar autógrafos nas tetas do seu ídolo ou musa inspiradora. Você tem que pagar, e caro, para ter acesso a atrações internacionais. Claro que um ou outro pode dar uma colher de chá, mas é totalmente lucro. Se for levar algo para assinarem, geralmente não assinam mais de um item. Também é muita cara de pau querer que a fila de autógrafos pare e Frank Miller assine tudo que você tem dele, de Batman a Demolidor.

5) Entre no clima

Qualquer comic con no planeta tem um certo nível de desconforto, seja pelo mundo de pessoas que lotam o lugar no Sábado – o que em São Paulo cria um mini-efeito estufa na São Paulo Expo -, seja pelas filas infinitas, então entre no clima. Você pode acabar 3 ou 4 horas em uma fila para ver um painel, mas faça amigos na fila e tente sentar com eles quando entrar. Se o salão tiver cheio, procure aquele seu amigo nerd no meio da multidão. Você pode ter uma boa surpresa. São quase 300 mil pessoas passando pelo lugar, é bem possível que você ache alguém conhecido no meio. Vá cedo e fique com orgulho na fila pra comprar aquela edição exclusiva da sua coleção. Ou seja, divirta-se e reclame menos, porque é um evento igual às comic cons gringas e você pode ir sem ter que pagar em dólar.

Esses são só alguns cuidados, mas obviamente tem muito mais. Para dicas do que fazer de atrações, tem esse vídeo fodáximo do Marcus Lazaro e Izadora Jayme. Confiram e que a Força esteja com vocês…

SEJA PATRÃO/PATROA DO NERDISTA!!! Entre, veja o que pode ganhar contribuindo e crescendo com a gente.

patreon

Agradecimentos mais que especiais aos patrões:

Augusto Cardoso

Augusto Cardoso

Carolina Carvalho

Fernando Quirino

Ébio Quinta

Tiago Oliveira

Thiago Conforti

Tiusam

 

Sigam no

Youtube

Twitter

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Marcus Lázaro também está no Sessão de Aluguel

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here