O SporTV voltou a narrar uma final de campeonato de Dota 2. Outra ESL One, mas que, dessa vez, aconteceu em Frankfurt, na Alemanha.

Assine nossa lista de e-mails para ter novidades nerds de alta qualidade, imediatamente, assim que forem postadas


A transmissão


Na primeira vez que o Dota 2 foi transmitido pela SporTV, nós vimos que eles tiveram problema de sincronização de áudio e vídeo. Também sentimos falta de uma “mesa de análise” mais aprofundada e de pessoas mais qualificadas para comentarem junto com a nossa gloriosa narração do Diego Hads. Era a primeira vez que eles estavam fazendo algo como isso e sabíamos que erros iriam acontecer.

Dois meses depois, voltariam a transmitir outra final de ESL One. Dessa vez na edição de Frankfurt, Alemanha. Eu liguei a televisão com a esperança de que seria uma transmissão melhor do que a anterior. Eu sabia que iam rever os erros que tiveram na primeira vez e que iriam trazer algo melhorado para nós. Não foi bem isso que aconteceu.
Tiveram erros grotescos de vídeo e na sincronização de áudio – do mesmo jeito da última vez. Tiveram comentários no mínimo infelizes durante a transmissão e a mesa de análise está da mesma forma que deixaram há dois meses atrás.
De forma justa, vou ressaltar que deram uma atenção a mais para os novatos no jogo. Vi que eles estavam bem explicativos, mostrando a interface e como funcionava uma forma geral, expondo os itens e explicando brevemente como que o Dota 2 acontece.
A única coisa que continuou do mesmo jeito, foi a narração impecável do Diego Hads – isso não é surpresa para ninguém.

SporTV ll

O grande problema é que falta comentaristas mais adequados. O contraste era absurdo entre a narração e os comentários que vinham entre team fights após team fights. Saíamos de uma narração espetacular, conseguindo narrar todas as magias e o que estava acontecendo, para comentários superficiais e do gênero ‘lógicas’. Estou ciente de que ainda sim é apenas um começo para eles, mas deviam começar acertando coisas simples e reconhecendo erros para que assim, pudessem ser evitados.

SporTV, a solução para todos esses problemas na narração – que é muito importante – se resume a dar chances a streamers que tem isso como profissão, mesmo que não seja primária. Trocar comentaristas que falam coisas óbvias e superficiais por comentaristas que sabem ler o jogo como um expectador de Dota merece, que conseguem expor táticas e jogadas de forma inteligente, que conseguem até mesmo indicar e mostrar o porquê tal item vai ser efetivo ou não. Eu estou falando de  olhar com mais atenção a stream da NoMadTV e aprender com eles o que é um jogo mostrado de forma bem feita. Fica aqui o meu pedido de darem atenção ao PDS e ao Aedrons, dois excepcionais narradores/comentaristas, que estão há muito tempo nesse ramo e que com certeza aumentaria a qualidade da transmissão de vocês, SporTV, exponencialmente.
Se continuarem cometendo esses mesmos erros banais, essas transmissões não vão durar muito tempo. Eu mesmo comecei a ver pela SporTV, quis ver o quanto estavam preocupados em transmitir um Dota de qualidade, mas, depois de alguns minutos, resolvi voltar para a stream. O que mais incomodou durante o tempo que eu vi foi que o mesmo erro de redimensionamento não foi corrigido e erros gráficos que surgiram, sem falar nos comentários, que não estão sendo feitos da forma que deveriam.

SporTV

Mais uma vez, parabéns Supernova/SporTV pela atenção que estão dando ao Dota 2, o espaço que estão cedendo para o e-Sports e a narração do Diego Hads que como sempre, é de alta qualidade. O resto, precisa melhorar muito para, sequer, atingirem o que uma stream de qualidade nos proporciona. Parece que uma narração espetacular combinada com comentários inteligentes são orb effect.

Fica aqui meus parabéns pela stream impecável que a NoMadTV fez durante todo essa ESL One – quem acompanha o canal, sabe que isso não é novidade para ninguém.

 

NoMadTV

 


Os Vencedores


OG

A OG era a grande favorita a ganhar esse campeonato. Sendo assim, não houve surpresas e fizeram por merecer. A fase da equipe é realmente impressionante. Uma semana após vencer a Major de Manilla, o time formado por Miracle-, Moon, Fly, Cr1t- e n0tail venceu – e convenceu – a grande final da ESL One Frankfurt com um 3 a 0 em cima da Natus Vincere. Com isso, a OG faturou uma premiação de 125 mil dólares e já chega como favorita a ganhar o principal campeonato do ano, o The International 6, que acontece entre os dias 8 e 13 de agosto, em Seattle, nos Estados Unidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here