Morreu no último domingo (30), aos 76 anos, o famoso diretor de filmes de horror Wes Craven. Entre suas obras estão as populares franquias A Hora do Pesadelo e Pânico, que ajudaram a redefinir o gênero de terror adolescente. Craven vinha batalhando a muito tempo contra um câncer no cérebro e acabou falecendo em sua casa, que fica em Los Angeles. Sua família fez o anúncio.

Assine nossa lista de e-mails para ter novidades nerds de alta qualidade, imediatamente, assim que forem postadas

Responsável pelo criação de ícones de horror como Fred Krueger, Craven já havia afirmado que a ideia para A Hora do Pesadelo surgiu do fato de ele ter morado próximo a um cemitério que ficava na Rua Elm, o mesmo nome do local onde se passa o primeiro filme, que ele dirigiu e escreveu. A Hora do Pesadelo teve 5 capítulos ao todo e foi um sucesso de bilheteria entre os anos de 1984 a 89.

Nos anos 90, o mestre alcança um novo sucesso com a série de filmes do Ghostface. O primeiro Pânico saiu em 96, e fez mais de 100 milhões de dólares em bilheteria. Após 4 filmes, cuja temática inspirou tantos outros projetos, a franquia Pânico retornou nesse ano como uma série de TV pela MTV. Para o final da primeira temporada, um representante do canal afirma ao THR que será feita uma homenagem ao diretor.

Fora do gênero que o consagrou, Wes Craven também realizou filmes dignos de nota. Em 1990 ele dirigiu Música do Coração, drama estrelado por Meryl Streep. O filme rendeu á ela uma indicação ao prêmio de melhor atriz da academia pelo seu papel como uma professora do Harlem que davas aulas de violino. Mais recentemente Craven dirigiu também a comédia romântica Paris eu te Amo, protagonizada por Emily Mortimer e Rufus Sewell.

E você, acompanhava o trabalho de Wes Craven? Qual filme dirigido pelo mestre do horror te causou mais sustos? Comenta ai!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.